110

1975.3

Gal Costa compacto - Modinha para Gabriela

O Peso - 1o. (e único) LP - Em busca do tempo perdido

Raul Seixas 3o. LP solo - Novo Aeon

Baiano e Os Novos Caetanos 2o. LP

 

Em 02 de Março de 1975, 

Gal Costa grava um compacto com um dos maiores sucessos de sua carreira, o tema de abertura da novela Gabriela, da Rede Globo: Modinha para Gabriela.

É uma das músicas mais tocadas em 1975.

                                      
                          
                            
               
                          
                                              Ouça no link abaixo                                                        Modinha para Gabriela

____________________________________________________________________

Em 04 de Março de 1975, 

O Peso é um grupo carioca formado em 1974, uma das lendas do rock brasileiro dos anos 70.

Em 25 de janeiro o grupo revelou-se como uma das maiores atrações do 1o. Hollywood Rock, um dos principais Festivais de Rock brasileiros dos anos 70, promovido por Nelson Motta em quatro sábados (entre 11-01 e 01-02-1975) no campo do Botafogo no Rio de Janeiro; onde tocou ao lado de Rita Lee & Tutti-Frutti, Mutantes, O Terço, Vímana, Erasmo Carlos, Cely Campello e Raul Seixas.

O festival foi filmado, gerando um documentário chamado Ritmo Alucinante.

Ao final de 1974 o grupo foi contratado pelo selo Polydor (da Phillips) que, animado pelo sucesso de suas apresentações no Hollywood Rock, o convoca para nesse dia iniciar as gravações de seu 1º. (e único) LP:  

Em busca do tempo perdido

Por ser o único álbum da banda e ter saído com uma quantidade pequena de cópias, o disco torna-se objeto de culto e disputa de colecionadores, inclusive de outros países.

                     
                                             
                                  Ouça o LP completo no link abaixo                               Em busca do tempo perdido
         
                                  Ouça o LP completo no link abaixo                                  Hollywood Rock
                                  Assista ao filme completo no link abaixo                          Ritmo Alucinante

____________________________________________________________________

Em 05 de Março de 1975, 

Raul Seixas entra nos estúdios da Phillips para iniciar as gravações de seu 3o. LP solo, Novo Aeon.

Sucessor de Gita, seu álbum de maior sucesso até então (mais de 600 mil cópias vendidas) o novo LP, que inicialmente estava programado para chamar-se Caminhos (uma de suas faixas) ou, simplesmente, Eu, na época foi um retumbante fracasso comercial (menos de 40 mil cópias seriam vendidas), apesar de trazer alguns dos maiores clássicos de Raul e da história do rock brasileiro, como Tente outra vez, Rock do diabo, A maçã, Tu és o mdc da minha vida, e É fim de mês.

As gravações terminariam na segunda quinzena de outubro e o álbum seria lançado em novembro.

Apesar do fracasso na época é tão icônico e impactante que seria indicado pela edição  brasileira da revista Rolling Stone como o número 53 entre Os 100 Discos Brasileiros Mais Importantes de Todos Os Tempos.


                           
                   
                                   
                              
                             
                                 
                                               Ouça o LP completo no link ao lado:    Novo Aeon

____________________________________________________________________

Em 12 de Março de 1975,

Baiano e Os Novos Caetanosdupla musical-humoristica interpretada pelos comediantes Chico Anísio e Arnaud Rodrigues no humorístico Chico City da TV Globo, inicia as gravações de seu 2o. LP, homônimo. O disco tornar-se-ia um dos maiores sucessos do ano e um  dos ícones dos anos 70 em todo o Brasil. 

A dupla fora criada no ano anterior, 1974, fazendo engraçadas aparições no Chico City, um dos vários programas que Chico Anysio teve na grade de programação da TV Globo durante os anos 70. 

A idéia dos personagens surgiu da revolta que a prisão e o exílio de Caetano e Gil causaram em todo o meio artístico - servia como sátira, sim (incluindo no meio os Novos Baianos, mas era uma homenagem a dois artistas cuja prisão sequer pôde ser noticada decentemente nos jornais nacionais, devido à censura. 

                               
           
       Ouça o LP completo no link abaixo
       
 Baiano & Os Novos Caetanos 2

                   110    

                                                                                            

           


                                                                                           

                 


 

                                                 

    


                                                                                     

    

                                                                                        

           


                                                                                      

                                                  

         


                                                                                               

          

que, por ser seu único disco, e ter saído com uma quantidade pequena de cópias, torna-se objeto de culto e disputa de colecionadores, inclusive de110